Guararema libera vacina bivalente para pessoas com comorbidades a partir dos 12 anos

Novo grupo poderá receber o imunizante a partir de quinta-feira (6), tanto na Central de Vacinação Coronavírus (Cevac) como na UBS do Jardim Dulce

Guararema dá mais um passo na campanha da vacinação bivalente contra a Covid-19. A partir desta quinta-feira (6), poderão receber o imunizante, sem necessidade de agendamento, as pessoas entre 12 e 59 anos com comorbidades.

Este grupo envolve os diagnósticos confirmados de diabetes, pneumopatias crônicas graves, diferentes níveis de hipertensão, cardiopatia, valvopatia, miocardiopatia, doenças da aorta, dos grandes vasos e fístula arteriovenosas, obesidade mórbida, síndromes genéticas, doenças hepáticas crônicas e outras.

Além do novo público, a Pfizer bivalente continua disponível para as grávidas e puérperas (até 45 dias pós-parto) e para os moradores de Guararema que tenham 60 anos ou mais; que tenham a partir de 12 anos e estejam vivendo em instituições de longa permanência (ILP); ou ainda pessoas imunocomprometidas.

Sem necessidade de agendamento, a aplicação é realizada na Central de Vacinação Coronavírus (Cevac), rua Oswaldo Freire Martins, 10 – Casa 1, que atende das 8 às 18 horas de segunda à sexta-feira e das 8 às 12 horas aos sábados; e Unidade Básica de Saúde (UBS) do Jardim Dulce, na rua Pedro Álvares Cabral, 36, que atende apenas em dias úteis, das 8 às 16 horas.

Na hora de se vacinar, além de apresentar o esquema primário completo de duas doses (D1 + D2), é preciso levar um documento com foto contendo o número do CPF (original). Caso se aplique, deve ser apresentado também o comprovante de comorbidade e/ou imunossuprimido, e se houver, a carteira de vacinação da Covid-19 (opcional).

Mais informações estão disponíveis pelos telefones (11) 4693.8040, da secretaria municipal de Saúde de Guararema; (11) 4693.5103, da Central de Vacinação Coronavírus; e (11) 4693-4693, da UBS do Jardim Dulce.

Fonte: Prefeitura de Guararema 

plugins premium WordPress